Sobe para 73 número de agentes de segurança mortos este ano no Rio

01:05 Geral, Notícias 12/07/2018 - 13h58 Rio de Janeiro Embed

Ícaro Matos

Mais um policial foi assassinado no estado do Rio de Janeiro, totalizando setenta e três mortes violentas de agentes de segurança em 2018; sendo que 60 deles eram policiais militares, 5 eram policiais civis e um era policial federal, além de três agentes penitenciários, três militares do Exército e um guarda municipal.

 

A vítima mais recente foi o cabo reformado da Polícia Militar, Ronalde Pereira da Costa, que foi morto em uma tentativa de assalto, no bairro do Irajá, na zona norte da capital fluminense.

 

De acordo com a PM, Ronalde seguia de moto pela rua Gabriel Lisboa quando foi abordado por dois assaltantes. O cabo reagiu e trocou tiros com os criminosos, mas acabou baleado três vezes no peito e morreu na hora. Um dos assaltantes ainda levou um tiro no pé, mas a dupla conseguiu fugir levando a arma do policial reformado.

 

O Cabo Rolnade tinha 58 anos e deixa esposa e filha. O caso é investigado pela Delegacia de Homicídios da capital.