Copa dos Refugiados será lançada no Rio nesta sexta-feira

01:53 Geral, Notícias 01/08/2018 - 19h47 Rio de Janeiro Embed

Lígia Souto

O Rio de Janeiro vai sediar pela primeira vez a Copa dos Refugiados.  A abertura será nesta sexta-feira, no Maracanã, na zona norte da capital fluminense, com a participação de representantes da Acnur, Agência para Refugiados das Nações Unidas.

 

Durante a solenidade haverá sorteio dos times e os participantes darão o pontapé simbólico de início da Copa. Mas a bola mesmo só vai rolar no sábado, no campo do Centro de Futebol Zico, no Recreio dos Bandeirantes, com entrada franca.

 

O evento, criado em 2014 em São Paulo, tem o objetivo de provocar a integração social dos refugiados no Brasil, utilizando o futebol como um incentivo à inclusão. A Copa nasceu a partir da iniciativa do congolês Jean Katumba, fundador da ONG África do Coração.

 

A primeira edição do evento no Rio vai contar com a participação de oito times, com mais de 120 jogadores no total. O torneio, segundo Jean, tem a intenção de dar visibilidade a causa dos refugiados.

 

Além de Rio e São Paulo, este ano o campeonato também aconteceu em Porto Alegre. E em setembro, será realizada a grande final, com os campeões de cada cidade.

 

A Copa dos Refugiados é um projeto que, além do futebol, promove outras iniciativas de integração, como palestras, oficinas e exposições, que tiveram início já nesta quarta-feira.