Investigação sobre morte de Marielle não será afetada, diz chefe da Divisão de Homicídios

02:29 Geral, Notícias 22/08/2018 - 22h00 Rio de Janeiro Embed

Tâmara Freire

O chefe da Divisão de Homicídios do Rio de Janeiro, Fabio Cardoso, garantiu que a mudança dos promotores responsáveis pelo caso Marielle não vai afetar o andamento dos trabalhos.

 

Nesta quarta-feira, Cardoso participou de uma reunião com a nova promotora responsável pelo caso, Letícia Petris, e com os deputados que compõem a comissão externa da câmara para acompanhar as investigações.

 

Letícia Petris vai substituir, a partir do dia 1º de setembro, o promotor Homero das Neves Freitas porque ele foi promovido a procurador.

 

A morte de Marielle Franco e Anderson Gomes também passará a ser investigada em conjunto com o Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado e com a Coordenadoria de Segurança e Inteligência.

 

Ambos conduzem diversas investigações sobre grupos criminosos ligados ao tráfico e à milícia, mas também compostos por agentes políticos.

 

De acordo com o subprocurador-geral de Justiça, Eduardo Lima Neto, a mudança foi decidida pela própria promotora.

 

Uma possível federalização das investigações também foi discutida na reunião, e os parlamentares afirmaram que ainda vão discutir um requerimento apresentado por um dos membros, pedindo que a Polícia Federal e a Justiça Federal assumam o caso.

 

No entanto, tanto o Ministério Público, quanto a Polícia Civil rejeitaram o deslocamento de competência, além de reafirmar que o estado tem condições e está empenhando todos os esforços para desvendar o crime. E já conta com a colaboração da PF.

 

Marielle Franco e Anderson Gomes foram assassinados a tiros na noite do dia 14 de março. Até o momento, nem os executores. nem os mandantes foram descobertos;

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique