Campanha no Rio pretende ajudar mulheres com câncer de mama a redescobrir a sexualidade

02:44 Geral, Notícias 08/10/2018 - 17h36 Rio de Janeiro Embed

Fabiana Sampaio

A secretária executiva, Linda Rojas, teve o primeiro diagnóstico de câncer de mama quando estava prestes a completar 25 anos.

 

Hoje aos 31, depois de um segundo diagnóstico e de ter se submetido a uma dupla mastectomia, além dos tratamentos de quimioterapia e radioterapia, tem a exata noção do quanto as mulheres que passam por esse processo sofrem também com um assunto  considerado tabu nesses casos, a sexualidade.


  
Apesar de ter um companheiro com quem sempre se sentiu à vontade para conversar, Linda reconhece a dificuldade que a maioria tem para lidar com a questão.  

 

Para Linda, os profissionais que acompanham essas pacientes têm um papel importante nessa mudança, já que a medicação usada no tratamento pode interferir na sexualidade.

 

Linda posou, com outras quatro mulheres também diagnosticadas com câncer de mama, para um ensaio sensual da campanha #50tonsderosa, da Fundação Laço Rosa, no Rio de Janeiro, que marca as ações do Outubro Rosa, mês mundialmente dedicado a luta contra o câncer de mama.

 

A campanha quer ajudar mulheres diagnosticadas com a doença a redescobrir sua sensualidade e mostrar que  ela não impossibilita que tenham uma vida sexual ativa.

 

Com a hashtag 50tonsderosa a ideia é gerar conversa nos consultórios e redes sociais e tentar quebrar de vez o tabu sobre o assunto.

 

Patricia Bullé, gerente geral da Fundação Laço Rosa, reforça que é preciso tornar o assunto leve.

 

O Ensaio fotográfico #50Tonsderosa vai ficar em exposição a partir do dia 15 de outubro, na Casa de Cultura Laura Alvim, na zona sul do Rio de Janeiro.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique