Justiça Federal leiloa apartamentos de Adriana Ancelmo

01:48 Geral, Notícias 17/10/2018 - 12h45 Rio de Janeiro Embed

Fabiana Sampaio

Dois imóveis da advogada Adriana Ancelmo, mulher do ex-governador Sérgio Cabral, localizados no bairro nobre de Ipanema, zona sul do Rio, foram arrematados em leilão realizado nessa terça-feira, na sede da Justiça Federal do Rio, pelo valor de R$ 5,4 milhões.


Os apartamentos 604 e 904, com 80 metros quadrados, vaga de garagem na escritura e vista para o mar foram arrematados em lance único.


O leiloeiro Renato Guedes também leiloou um jatinho e um carro Tucson, da Hyundai, ano 2018, no valor de mais de R$ 6 milhões.


A aeronave e o carro pertenciam ao empresário Arthur César de Menezes Soares Filho, conhecido como Rei Arthur, acusado de fazer parte do grupo criminoso que seria liderado por Cabral.


Os bens foram leiloados por decisão do juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, com base na Lei de Lavagem de Dinheiro.


Na decisão, o juiz ressaltou que o objetivo da venda antecipada é salvaguardar a restituição aos cofres públicos de eventual produto que tenha sido proveito de crime, resguardado o direito à devolução da quantia em caso de absolvição.


Os bens foram vendidos com 20% de desconto porque já tinham sido anunciados anteriormente, sem que houvesse interesse de compradores.


A mansão do ex-governador Sérgio Cabral, em Mangaratiba, foi arrematada no dia 13 de setembro último, por mais de R$ 6 milhões, valor mínimo estipulado no leilão.


A venda ocorreu nos últimos minutos do leilão, após o próprio leiloeiro já ter admitido que teria de anunciar o imóvel por um preço inferior, em um próximo arremate.


Também já foram arrematados os três carros blindados de Cabral, cujos valores somaram quase meio milhão de reais.


Já uma lancha, de mais de R$ 3 milhões será oferecida em um futuro leilão, após uma nova avaliação, de acordo com o leiloeiro Renato Guedes.