Viva Maria: A emoção de sermos parte da história de 30 anos de conquistas da Constituição Cidadã

08:52 Geral, Programetes 05/10/2018 - 09h22 Brasília Embed

Apresentação Mara Régia

5 de outubro de 2018! Hoje é dia de saudarmos a Carta da Liberdade que, há exatos 30 anos, foi promulgada por um dos maiores defensores da democracia em nosso país: o deputado Ulysses Guimarães. Ele costumava dizer que “Quem não se interessa pela política, não se interessa pela vida!”

 

Que se cumpra! A duras penas, aqui estamos nós tentando honrar o juramento de doutor Ulysses à luz das frases memoráveis que ele nos deixou: “ A sociedade sempre acaba vencendo”.

 

A mobilização das mulheres brasileiras durante o período constituinte nos deu provas incontestes disso. Por inúmeras vezes, tomamos de assalto as escadarias e galerias do Congresso Nacional em nome dos direitos que reivindicávamos rumo à construção de uma sociedade mais justa e igualitária.

 

Nesse contexto, o chamado “lobby do batom” foi definitivo para a conquista da licença maternidade de 120 dias e a licença paternidade, questionada por aqueles que nos ridicularizavam dizendo: “Homem não engravida. Não sabe não, minha filha?”.

 

Mas, apesar das ironias, o médico pediatra, deputado Alceni Guerra levou adiante nossa proposta e, num discurso emocionado que nos levou às lágrimas, conseguiu a aprovação dessa importante conquista.

 

Esse e outros tantos registros sonoros de nossa história recente foram documentados pelo nosso Viva Maria que ouve, agora, uma mulher que é protagonista desse tempo, a socióloga Jaqueline Pitanguy, cuja trajetória de vida se confunde com a luta das mulheres do Brasil.

 

Ela foi presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Mulher e, hoje, é coordenadora executiva da ONG Cidadania, Estudo, Pesquisa, Informação e Ação (Cepia). Revivemos com ela o dia da promulgação da nossa Constituição. Viva, Jaqueline!

 

 

 

 

 

Viva Maria: Programete que aborda assuntos ligados aos direitos das mulheres e outros aspectos da questão de gênero. É publicado de segunda a sexta-feira. Acesse aqui as edições anteriores.