Polícia Militar ocupa penitenciárias do Pará

01:36 Geral, Notícias 07/11/2018 - 13h00 Brasília Embed

Maíra Heinen

Após várias ocorrências de fuga nas últimas semanas, os complexos penitenciários de Marituba e Santa Izabel, no Pará, foram ocupados por tropas do Comando de Missões Especiais da Polícia Militar, nesta semana.

 

O objetivo é frustrar possíveis planos de fuga e apreender todo tipo de material proibido nas unidades prisionais como celulares, drogas e armas de fogo. Cerca de 200 homens participam da ação.

 

Os complexos reúnem 12 unidades prisionais, com mais de 7 mil presos. Mas, o foco principal da operação são os Centros de Recuperação Penitenciário Pará 1, 2 e 3; a Colônia Penal Agrícola de Santa Izabel e o Presídio Estadual Metropolitano 1.

 

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará confirmou que 56 presos conseguiram fugir na madrugada de segunda-feira (5), do Centro de Recuperação Penitenciário Pará 1.

 

Dois presos foram encontrados mortos na área externa do presídio. Os corpos estão no Instituto Médico Legal (IML) de Castanhal e ainda aguardam reconhecimento.

 

De janeiro até 5 de novembro deste ano foram registradas 87 fugas no estado, com 618 fugitivos e 229 recapturados.

 

Em 2017, foram 75 fugas, com 403 fugitivos e 169 recapturados.

 

Em 2018, 28 presos morreram em confronto com a polícia, contra 24 no ano passado.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique