Quase metade dos acreanos não paga conta de água

02:26 Geral, Notícias 15/11/2018 - 13h00 Brasília Embed

Bianca Paiva

A inadimplência de consumidores acreanos com o Depasa, o Departamento Estadual de Pavimentação e Saneamento, é de 47%. Desde julho deste ano, os grandes devedores, com dívidas acima de R$ 5 mil, estão sendo acionados na justiça.

 

Levantamento da autarquia mostra que 112 consumidores devem acima de R$ 20 mil e 260 têm dívidas entre R$ 10 mil e R$ 20 mil. São quase R$ 8 milhões em dívidas.

 

Segundo o diretor-presidente do Depasa, Moisés Diniz, a arrecadação é menor do que os custos.

 

"A nossa arrecadação mensal hoje gira em torno de R$ 2,5 milhões. Nós gastamos só com produto químico, por mês, R$ 2 milhões. E nós não temos como aumentar o preço da água porque a população é muito pobre. Então, a gente acaba tendo que reduzir a vazão da água e reduzir a oferta de água para as cidades. Ou seja, devido a falta de pagamento da população nós temos dificuldade de ofertar um serviço completo."

 

Para o diretor do Depasa, uma das hipóteses para a alta taxa de inadimplência está associada a uma questão cultural.

 

Moisés Diniz informou que em dezembro os consumidores com dívida inferior a R$ 5 mil poderão negociar o débito, com possibilidade de desconto e parcelamento.

 

O estudo do Depasa também mostra que 60% da água no Acre é desperdiçada. Os consumidores são responsáveis pela maior parte, 33%. Outros 20% de desperdício são ocasionados por problemas na tubulação. O Depasa atende todos os 22 municípios do Acre. São 111 mil ligações, das quais 69 mil têm hidrômetros instalados.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique