Viva Maria: "Existe uma história do povo negro sem o Brasil, mas não do Brasil sem o povo negro"

09:32 Geral, Programetes 20/11/2018 - 09h41 Brasília Embed

Apresentação Mara Régia

Em memória a Zumbi dos Palmares, saudamos as negras brasileiras que se inspiram em Dandara para lutar contra o racismo, a violência e pelo bem viver.

 

Em especial às negras que hoje festejam Zumbi: Elza Soares, Benedita da Silva, Leci Brandão, Zezé Mota, enfim, mulheres que emprestam sua arte, suas vozes ao enfrentamento da violência.

 

Até porque, a cada 20 de novembro, nosso país dá início à campanha dos 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher.

 

Que esses tambores consigam acordar as nossas consciências em torno da luta por igualdade e justiça.

 

Esses tambores também marcam presença na VII Semana de Reflexões sobre Negritude, Gênero e Raça (SERNEGRA) realizado pelo Instituto Federal de Brasília.

 

Foi lá que eu tive a oportunidade de me reencontrar com a professora Gina Vieira Ponte, ela que é da educação básica da Secretaria de Educação do Distrito Federal, que, a partir da leitura de livros de escritoras como Carolina Maria de Jesus e seu Quarto de Despejo, vem transformando não só a vida de seus alunos, mas também o modelo de educação vigente.

 

É com ela que vamos ter agora uma aula sobre o que vem a ser consciência negra. Diga lá, professora Gina!

 

 

Viva Maria: Programete que aborda assuntos ligados aos direitos das mulheres e outros aspectos da questão de gênero. É publicado de segunda a sexta-feira. Acesse aqui as edições anteriores.

Deseja fazer algum tipo de manifestação?

Favor copiar o link do conteúdo ao apresentar sua sugestão, elogio, denúncia, reclamação ou solicitação.