Ex-governador do Espírito Santo é morto a tiros em Vitória; suspeito já foi preso

01:12 Geral, Notícias 26/12/2018 - 19h28 Brasília Embed

Sayonara Moreno

O ex-governador do Espírito Santo, Gerson Camata, do MDB, foi assassinado nesta quarta-feira (26), na Praia do Canto, em Vitória, capital do estado.

 

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Espírito Santo, o político foi alvejado por vários disparos de arma de fogo e não resistiu aos ferimentos.

 

A instituição informou, também, que o suspeito do crime já foi preso e prestou esclarecimentos à polícia do estado.

 

O ex-governador tinha 77 anos, era formado em economia e ficou conhecido no estado, por meio de um programa de televisão, nos anos 1970. Depois disso, seguiu carreira política, sendo eleito governador, senador e deputado federal.

 

Foi defensor diversas medidas, na constituinte: defendeu a limitação do direito de propriedade privada, do mandado de segurança coletivo, jornada semanal de quarenta horas, aviso prévio proporcional, voto aos 16 anos, presidencialismo, limitação dos juros reais em 12 % ao ano, a criação de um fundo de apoio à reforma agrária, entre outras.

 

Gerson Camata era casado com Rita Camata - ex deputada federal por cinco mandatos - e pai de dois filhos.

 

Com informações da Agência Brasil, da Rádio Nacional em Brasília, Sayonara Moreno

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique