PF prende 4 pessoas acusadas de desviar recursos da merenda escolar em Roraima

02:07 Geral, Notícias 04/12/2018 - 20h27 Brasília Embed

Renata Martins

Desvio de recursos públicos da merenda escolar são alvo de operação da Polícia Federal em Roraima

 

Quatro pessoas foram presas nesta terça-feira, entre elas, um ex-secretário adjunto de educação do Estado, atual adjunto da Secretaria Extraordinária de Gabinete Institucional, Shiská Pereira.
 

Elas são acusadas de envolvimento em um esquema de desvio de recursos públicos de merenda escolar, entre os anos de 2016 e 2018. Um empresário, dono da empresa que fornecia a merenda, está foragido.
 

Os recursos teriam sido desviados do programa federal Mais Educação, que só entre março a novembro de 2018 destinou mais de 5 milhões de reais para Roraima.
 

As investigações apontam que o grupo utilizava um falso atestado de recebimento de produtos adquiridos pelo Estado.
 

Desta forma, a empresa responsável pelo fornecimento dos alimentos fazia a entrega parcial ou os substituía por produtos mais baratos, mas recebia de servidores integrantes do esquema o atesto de recebimento integral.
 

Depoimentos e vistorias da própria polícia apontam que a empresa inicialmente deixava de entregar por volta de 30% dos produtos faturados, mas nos últimos meses a situação se agravou a ponto de não entregar qualquer produto.
 

Diligências policiais realizadas em várias escolas indicam que há meses não é fornecida proteína para os alunos.
 

O Governo de Roraima informou que vai contribuir com as investigações e esclarece que a atual dificuldade com o abastecimento da merenda não tem vínculo com o que está sendo apurado.
 

Segundo o executivo roraimense, o recurso federal é insuficiente para atender a demanda e o Estado é obrigado a complementar com recursos próprios.
 

A reportagem não conseguiu contato com os acusados.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique