Suposta escalação irregular de jogador ameaça acesso do Goiás à Série A do Brasileirão

01:57 Geral, Notícias 04/12/2018 - 08h14 Brasília Embed

Jorge Wamburg

A possível escalação irregular do lateral esquerdo Ernandes durante a Série B do Campeonato Brasileiro pode custar ao Goiás a perda do acesso à Série A, obtido com quarto lugar do time no Campeonato Brasileiro recém-encerrado.

 

A informação foi divulgada pela Rádio Central AM de Campinas, cidade onde está sediada a Ponte Preta, time que seria beneficiado com a desclassificação do Goiás, por ser o ocupante da quinta posição e que substituiria a equipe goiana nesta situação.

 

Segundo as notícias procedentes de Campinas, Ernandes nasceu em 11 de novembro de 1985, conforme certidão expedida pelo segundo cartório de São Félix do Araguaia, cidade do estado do Mato Grosso. Porém, o jogador foi registrado na CBF com outra certidão, em que sua data de nascimento consta como 11 de novembro de 1987. Caso fique comprovada a fraude, a Justiça Desportiva pode punir clube e jogador, com base no Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

 

Neste caso, o Goiás seria enquadrado no Artigo 214, que prevê a perda de todos os pontos conquistados em campo, além de multa entre R$ 100 e R$ 100 mil. Como Ernandes atuou em 31 partidas, o Goiás perderia o acesso conquistado no campo, como quarto colocado, com 60 pontos, sendo substituído pela Ponte Preta, que também obteve 60 pontos, mas terminou em quinto lugar por ter duas vitórias a menos do que o Goiás, no caso, 16 contra 18.

 

Além disso, se o Goiás perder todos os pontos disputados com Ernandes em campo, cairá do G4 da série B para a zona de rebaixamento à Série C. Neste caso, quem se salvaria seria o Paysandu, que terminou a disputa na 17ª posição, com 43 pontos e permaneceria na série B em 2019.

Deseja fazer algum tipo de manifestação?

Favor copiar o link do conteúdo ao apresentar sua sugestão, elogio, denúncia, reclamação ou solicitação.