Ceará tem primeiro dia sem atos criminosos desde que onda de ataques começou

01:50 Geral, Notícias 15/01/2019 - 16h20 Brasília Embed

Dayana Vítor

Pela primeira vez, desde o dia 2 de janeiro, o Ceará não registrou nenhum ataque criminoso nas ruas do estado nas primeiras horas desta terça-feira (15), de acordo com o governo local.

 

Mas, durante 13 dias, incêndios contra prédios públicos, veículos, viadutos e comércios levaram o medo às ruas e modificaram a vida da população.

 

As ordens para os ataques partem das cadeias estaduais, de criminosos insatisfeitos com o endurecimento das regras do sistema penitenciário do estado. Por esse motivo, 35 chefes de facções que cumpriam pena no Ceará foram transferidos para penitenciárias federais em outros estados.

 

O governador Camilo Santana sancionou  nessa segunda-feira (14), decreto que regulamenta a Lei da Recompensa. Agora, as pessoas que fizerem denúncias que levem à prisão dos autores dos ataques, evitem atos violentos, ou ajudem as autoridades a localizar procurados pela polícia, vão receber de mil a trinta mil reais.

 

Até o momento, 373 pessoas envolvidas com os atos violentos no estado foram presas, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Ceará.

 

Para ajudar na captura dos criminosos, o estado tem reforço na segurança, desde o início do mês, com homens da Força Nacional e policiais da Bahia, Piauí, Santa Catarina, São Paulo e Pernambuco. Nos próximos dias, devem chegar ao Ceará mais homens da Polícia Rodoviária Federal e da Força Nacional.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique