Justiça determina inclusão da população de rua no Censo 2020

01:50 Geral, Notícias 23/01/2019 - 18h28 Rio de Janeiro Embed

Tatiana Alves

A Justiça do Rio de Janeiro determinou que o governo federal e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) incluam questionários para a população de rua no censo de 2020.

 

A decisão favorável foi resultado de uma ação movida pela Defensoria Pública da União.

 

No processo, a defensoria alegou que a contagem oficial da população de rua foi uma das políticas estabelecidas em 2009 por um decreto da Presidência da República.

 

A norma previu o apoio do ibge e do governo federal à realização do levantamento. A medida, no entanto, não foi aplicada no último censo, realizado em 2010.

 

O defensor de Direitos Humanos da Defensoria Pública da União, Thales Arcoverde, defende que a inclusão dessas pessoas nas estatísticas pode resultar em políticas mais eficientes para retirá-las das ruas.

 

Em resposta à determinação, o IBGE informou à Justiça que não tem capacidade operacional para incluir a população de rua no próximo censo, porque os questionários precisariam ser adaptados,  já que são dirigidos para pessoas domiciliadas.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique