Tiroteio no Ceará provoca seis mortes; caso não teria relação com onda de ataques

01:29 Geral, Notícias 24/01/2019 - 18h22 Brasília Embed

Dayana Vitor

Os moradores da pequena Palmácia no interior do Ceará, foram surpreendidos nesta quinta-feira (24) com uma cena de filme. Bandidos e policiais trocaram tiros no meio da cidade. Ao menos, seis pessoas morreram durante o tiroteio.


A situação atípica para os 13 mil habitantes do pacato município começou depois que agentes de segurança suspeitaram que o grupo estava cometendo assaltos na cidade. O delegado de Baturité, Joel Moraes, responsável pelas investigações, declarou que o fato não tem relação direta com a onda de ataques criminosos que ocorrem há 23 dias no Ceará.

 

Desde o dia 2 de janeiro, bandidos ateiam fogo em prédios públicos, escolas, postos de gasolina, veículos em todo o estado. Até o momento, foram presas 427 pessoas suspeitas de participação nos atos violentos. Investigações do governo estadual apontam que as ordens para os ataques partem de dentro das cadeias estaduais de detentos insatisfeitos com medidas de endurecimento do sistema carcerário.

 

Por isso, 39 líderes de facções foram transferidos para presídios federais. Desde o início do ano, 2,3 mil celulares foram apreendidos nas cadeias cearenses.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique