Maior superlua de 2019 pode ser vista nesta terça-feira

02:24 Geral, Notícias 19/02/2019 - 19h47 Brasília Embed

Anna Luisa Praser

Ela, a lua, que é um símbolo dos amantes, poderá ser vista mais de perto hoje. Mas assim como no amor, é preciso se atentar às sutilezas para enxergar as diferenças entre o luar dos dias comuns e os chamados de SuperLua.

Por causa desse nome, que nem é oficialmente reconhecido pela astronomia, é comum as pessoas acharem que olharão para o céu e verão uma lua maior. Mas o que acontece, na verdade, é que ela fica mais próxima, e como num flerte apaixonado, sai da distância usual - em torno de 384 mil quilômetros da Terra - para algo em torno de 360 mil quilômetros.

 

E como não poderia deixar de ser, toda essa proximidade tem os efeitos devastadores do início de um namoro: o fenômeno tem o dom de deixar a lua mais brilhante, assim como acontece com os apaixonados.

 

E esse romance entre a terra e a lua pode ser observado nesta noite, a olho nu. Para os amantes – tanto da astrologia quanto os que estão em relacionamentos – uma oportunidade de ver a maior Superlua do ano de 2019.

 

Para valorizar o momento, assim como num encontro, é bom se preocupar com a ambientação: por causa do brilho extra, a superlua é melhor observada na penumbra, com as luzes desligadas.

 

E, apesar de não ser um fenômeno tão raro quanto do ano passado, quando tivemos a Superlua de Sangue, será como um lance, rápido e avassalador: depois desta noite, a oportunidade de ver a lua tão de pertinho assim só deve se repetir em 2026.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique