PF prende suspeito de liderar facção criminosa que atuava no tráfico de drogas

01:13 Geral, Notícias 05/02/2019 - 10h35 Brasília Embed

Lucas Pordeus León

A Polícia Federal (PF) prendeu, nessa segunda-feira (4), suspeito de liderar facção criminosa na fronteira com o Paraguai. A prisão ocorreu no litoral de Santa Catarina, na cidade de Balneário Camburiú.

 

Conhecido como Minotauro, o suspeito é apontado pela Polícia Federal como liderança do tráfico de drogas na fronteira do estado do Mato Grosso do Sul com o Paraguai.

 

Segundo a polícia, após a liderança de Minotauro na região verificou-se o aumento de atos violentos, especialmente em Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul.

 

Minotauro é suspeito de ser um dos responsáveis pelo assassinato de um policial civil, em março de 2018 e de ter participado do assassinato de uma advogada em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, em novembro do ano passado.

 

Existem dois mandados de prisão contra o suspeito, um por tráfico de drogas e outro por uso de documento falso. A polícia informou que as investigações para prender o suposto narcotraficante duraram seis meses, com a ajuda de policiais estrangeiros.

 

Na operação, além da prisão, foram apreendidos dinheiro em espécie, telefones celulares e um veículo de luxo.

 

A Polícia Federal considera a prisão de Minotauro um importante golpe no tráfico de drogas e armas e no domínio de facções criminosas na região da fronteira.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique