Em Minas Gerais, Justiça manda suspender atividades de barragem em Nova Lima

01:12 Geral, Notícias 24/03/2019 - 15h50 Rio de Janeiro Embed

Lígia Souto

A Justiça de Minas Gerais mandou suspender as operações da barragem da Vale Dique III do complexo minerário de Vargem Grande, Nova Lima.

 

As atividades devem ser paralisadas enquanto não houver provas que garantam a segurança da estrutura.

 

A decisão atende um pedido do Ministério Público de Minas Gerais.

 

Foi estipulado à mineradora o prazo de 10 dias para contratação de uma auditoria técnica independente, que deverá elaborar relatório sobre a real situação da estrutura.

 

Além disso, em 15 dias, um plano de segurança deverá ser apresentado, incluindo a lista das pessoas que estão na área localizada a menos de 10 quilômetros da barragem ou que seria atingida em menos de 30 minutos no caso de um rompimento.

 

A Vale também deve fixar rotas de fugas, apresentar estratégias de desocupação e realizar simulados e treinamento com a população local.

 

Em nota, a mineradora afirmou que a decisão não traz impacto adicional na produção, pois a barragem já estaria com as atividades interrompidas.

 

Com informações da Agência Brasil. 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique