Polícia Federal investigará ataque a carro de ministro em ato na Bahia

01:11 Geral, Notícias 01/03/2019 - 08h44 Brasília Embed

Priscilla Mazenotti

O Ministério da Justiça e Segurança Pública determinou que a Polícia Federal abra inquérito para apurar ameaças e dano qualificado ao ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. Imagens divulgadas pelo ministro nas redes sociais mostram ataques à comitiva em que ele estava após cerimônia no Parque Nacional Pau Brasil, em Porto Seguro, na Bahia.

 

Em nota, o ministério informou que integrantes do Movimento Sem Terra (MST) e do Partido da Causa Operária (PCO) cercaram o carro oficial no qual estavam o ministro e servidores públicos.

 

Servidores relataram “momentos de tensão” por causa da violência dos manifestantes. A nota diz, ainda, que um dos membros da manifestação chegou a subir no teto do carro oficial, destruindo  partes do veículo e quebrou o para-brisa com uma pedra gritando palavras de ordem e palavrões.

 

Nas redes sociais, o MST negou a violência. Evanildo Costa, do MST, disse que o ato foi uma manifestação espontânea contra a privatização do parque. E explicou:  “O MST não pratica nem incentiva a violência”.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique