Cheia do rio Negro deve afetar neste ano 15 bairros de Manaus

01:28 Geral, Notícias 02/04/2019 - 09h33 Brasília Embed

Juliana Cézar Nunes

O Serviço Geológico do Brasil concluiu pesquisa que aponta a cota máxima para a cheia do Rio Negro este ano. Ela deve variar entre 28,49 metros a 29,19 metros.

 

O índice máximo está abaixo da maior cheia registrada na história, em 2012, quando a cota atingiu 29,97 metros, causando sérios prejuízos à população.

 

A partir da próxima semana, a Defesa Civil de Manaus começa os trabalhos de monitoramento e cadastramento de famílias em áreas vulneráveis.

 

A Secretaria Municipal de Saúde também vai desenvolver ações de prevenção às doenças decorrentes da água parada, como leptospirose e dengue.

 

De acordo com o relatório do Departamento de Operações, 15 bairros da capital serão afetados pela cheia: Tarumã, Mauazinho, São Jorge, Educandos, Raiz, Betânia, Presidente Vargas, Colônia Antônio Aleixo, Aparecida, Centro, Santo Antônio, Cachoeirinha, Glória, Compensa, Puraquequara e a zona rural ribeirinha.

 

Nesses locais, a prefeitura de Manaus deve realizar ações de construção de pontes, doações, fornecimento de auxílio-aluguel, limpeza e descontaminação.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique