Polícia Federal faz operação no Rio contra fraudes na Previdência Social

01:36 Geral, Notícias 17/04/2019 - 15h54 Rio de Janeiro Embed

Lígia Souto

A Polícia Federal cumpriu nesta quarta-feira (17) dois mandados de busca e apreensão na zona norte do Rio de Janeiro, em uma ação contra fraudes na Previdência Social.

 

De acordo com a PF, investigações iniciadas em 2017 identificaram um esquema criminoso de falsificação de documentos públicos para concessão irregular de pensão por morte e BPC, Benefício de Prestação Continuada.

 

Os mandados foram cumpridos nos bairros do Cachambi e Anchieta.

 

Os alvos da Operação 'Casa de Fraudes 2' são suspeitos de atuar intermediando a obtenção de benefícios previdenciários, com o nome fictícios, por meio desses documentos falsos.

 

Foram identificadas as atuações de pelo menos três procuradores no esquema. Apenas um deles tinha 22 benefícios cadastrados para o endereço residencial, todos com documentos que não foram encontrados nas bases de dados do órgão de identificação civil do Rio, o Instituto Félix Pacheco.

 

Trinta e três benefícios irregulares foram identificados durante a investigação, o que provocou prejuízo de mais de R$ 1 milhão aos cofres públicos. Estima-se que a suspensão desses benefícios resulte em economia de R$ 3,23 milhões.

 

A operação é coordenada pela Força-Tarefa Previdenciária, que é integrada pela Secretaria de Previdência do Ministério da Economia, pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal.

 

Com informações da Agência Brasil, do Rio de Janeiro, Lígia Souto.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique