Vazamento no rio Negro atingiu cerca de 1,5 mil metros quadrados, segundo instituto ambiental

02:28 Geral, Notícias 01/04/2019 - 17h33 Brasília Embed

Renata Martins

Vazamento 30 toneladas de emulsão asfáltica, em Manuas, atingiu mais de 1,5 mil metros quadrados do Rio Negro. 


Nesta segunda-feira (1º), técnicos do Ipaam - Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas - percorreram a área do Rio Negro atingida por cerca de 30 toneladas de emulsão asfáltica.

 

Amostras da água foram coletadas para análise.

 

De acordo com o gerente de fiscalização do Ipaam, Hermógenes Rabelo, a mancha na superfície do rio está controlada pelas barrerias de contenção.

 

O que preocupa, segundo ele, é a dispersão dos constituintes solúveis do produto que é derivado de petróleo, e pode contaminar áreas de preservação ambiental.

 

O Ipaam notificou a Transbetume Comércio e Transporte de Betumes Ltda, empresa responsável pela carga.

 

Todo o serviço de contenção e limpeza da área está sendo custeado pela empresa.

 

A expectativa é que toda a área contaminada na superfície do rio seja limpa de três a quatro dias.

 

O vazamento ocorreu nesse domingo (31), nas proximidades do Porto do São Raimundo, zona oeste de Manaus, antes do embarque de um caminhão da Transbetume que transportava o produto.

 

A emulsão asfáltica acabou escorrendo para a tubulação de água e foi levada para dentro do rio.

 

O material seria embarcado para Santarém, no Pará.

 

O gerente de fiscalização afirma que a delegacia de meio ambiente abriu investigação para apurar as causas do acidente.

 

Segundo Hermógenes, informações preliminares apontam para uma tentativa de roubo da mercadoria.

 

De acordo com o Ipaam, não há sinais de animais afetados.

 

Até o fim desta semana, uma nova coleta de água será realizada para avaliação da qualidade.

 

Não conseguimos contato com a Transbetume.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique