Operação combate fraude em fiscalização contra desmatamento no Amazonas

01:30 Geral, Notícias 08/05/2019 - 13h58 Brasília Embed

Juliana Cézar Nunes

Dez mandados de prisão preventiva e oito mandados de prisão temporária foram expedidos pela Justiça como parte da Operação Ojuara, deflagrada nesta quarta-feira (8) e que tem como alvo um grupo que cometia fraudes na fiscalização ambiental contra desmatamentos e grilagem de terras no Amazonas.

 

Os mandados estão sendo cumpridos em cidades amazonenses, como Boca do Acre e Lábrea, e em Rio Branco, no Acre. Também foram expedidos 36 mandados de busca e apreensão.

 

A operação envolve agentes da Polícia Federal e uma força-tarefa do Ministério Público Federal, que já apurava os crimes.

 

A investigação aponta para o envolvimento de servidores públicos do Ibama e policiais militares do Amazonas, além de agropecuaristas do estado e advogados. Parte dos acusados já teve o sequestro de bens e valores decretado pela Justiça.

 

Os investigados responderão por crimes como organização criminosa, invasão de terras públicas, formação de milícia, desmatamento ilegal, corrupção passiva e ativa, ameaça e furto qualificado de madeira da União, entre outras.

 

Procuramos o Ibama e a Polícia Militar do Amazonas para comentar sobre as acusações feitas aos servidores, mas até o momento não obtivemos retorno.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique