Tragédia de Brumadinho completa 100 dias; 37 vítimas continuam desaparecidas

01:23 Geral, Notícias 05/05/2019 - 13h22 Brasília Embed

Sayonara Moreno

Além dos mais de 200 corpos resgatados da lama, 37 pessoas continuam desaparecidas, depois do desastre que assolou o município de Brumadinho, região metropolitana de Belo Horizonte. A tragédia completou, nesse sábado (4), 100 dias.

 

Dois engenheiros da empresa que prestava serviço para a mineradora Vale e três funcionários da empresa, foram presos em janeiro, mas tiveram habeas corpus concedido pelo Superior Tribunal de Justiça e aguardam julgamento, em liberdade.

 

Responsável pela barragem, a mineradora Vale criou, na última terça-feira, a Diretoria Especial de Reparação e Desenvolvimento, para “acelerar” a reparação aos atingidos pela lama. Segundo a companhia, a ideia é humanizar a relação com as comunidades e coordenar as ações de reestabelecimento socioeconômico e ambiental dos municípios impactados pela tragédia.

 

Na última segunda-feira, o Ministério Público de Minas Gerais pediu, em ação civil pública, que seja antecipado o pagamento de R$ 30 mil a cada pessoa atingida pelo rompimento.

 

Além disso, conseguiu, na justiça, o bloqueio de R$ 5 bilhões da Vale, para a reparação do meio ambiente atingido pelo rompimento.

 

Depois, enviou um novo pedido de bloqueio: desta vez de, pelo menos, R$ 50 bilhões.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique