Argentina vence o Chile por 2 a 1 e conquista o terceiro lugar na Copa América

03:34 Geral, Notícias 07/07/2019 - 01h58 São Paulo Embed

Lincoln Chaves

A vitória da Argentina por 2 a 1 sobre o Chile, na Arena Corinthians, valendo o terceiro lugar da Copa América, foi marcada pela expulsão de Lionel Messi. Aos 36 minutos do primeiro tempo, ele se desentendeu com o capitão chileno, Gary Medel - ambos receberam o vermelho direto do árbitro paraguaio Mário Diaz.

 

A expulsão revoltou a grande maioria dos quase 45 mil torcedores presentes no estádio. Messi se recusou a receber a medalha de terceiro colocado e desabafou, afirmando que "não queriam a Argentina na final" e discordando do vermelho. O técnico Lionel Scaloni, por sua vez, reclamou que o árbitro de vídeo não é usado quando o lance beneficia sua seleção.

 

Os argentinos abriram 2 a 0 ainda no primeiro tempo, com Aguero (após assistência de Messi) e Dybala. Vidal, surpresa na escalação chilena (já que até sexta-feira ainda reclamava de dores no joelho) diminuiu cobrando pênalti.

 

Confira a íntegra da reportagem de Lincoln Chaves.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique