Fornecimento de energia nos municípios amazonenses de Manacapuru e Iranduba é normalizado

01:40 Geral, Notícias 30/07/2019 - 11h23 Brasília Embed

Juliana Cézar Nunes

A energia elétrica começou a voltar em Iranduba e Manacapuru na última sexta-feira (26), mas somente nesta segunda-feira (29) o fornecimento foi 100% normalizado, de acordo com a Amazonas Energia.

 

Cerca de 200 mil pessoas ficaram sem energia por, pelo menos, uma semana.

 

O abastecimento de água também ficou prejudicado já que as bombas dependem de energia para funcionar.

 

A concessionária alega que o problema foi causado pela ruptura de um cabo de transmissão subaquático, localizado nas proximidades de Iranduba. Geradores e usinas foram instalados nos dois municípios para garantir a retomada do fornecimento. Eles operam com sobra de 31% das demandas de energia elétrica da região.

 

Uma força-tarefa formada por órgãos de defesa do consumidor chegou a pedir que a Amazonas Energia tomasse medidas emergenciais para recuperar a distribuição de energia, mas os prazos estabelecidos extrajudicialmente não foram cumpridos.

 

Agora, a Defensoria Pública e o Procon estadual vão reunir denúncias e documentos que comprovem os prejuízos causados à população.

 

O objetivo é entrar com uma ação judicial por danos morais e materiais contra a concessionária.

 

A OAB, Ordem dos Advogados do Brasil, quer que a Amazonas Energia pague multa de R$20 milhões a ser revertida para o Fundo Estadual de Defesa do Consumidor.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique