Praias e marinas concorrem à certificação internacional de qualidade da água

01:44 Geral, Notícias 02/07/2019 - 11h03 Brasília Embed

Juliana Cézar Nunes

Representantes do governo e de organizações ambientalistas escolheram 13 praias e seis marinas para concorrer a uma certificação internacional chamada Bandeira Azul.

 

A palavra final será dada em setembro, por um grupo de especialistas reunidos na Dinamarca. O certificado Bandeira Azul atesta a qualidade da água e as boas condições de infraestrutura, segurança e acessibilidade.

 

Turistas estrangeiros e investidores internacionais dão preferência às praias com essa certificação.

 

A coordenadora do programa no Brasil, Leana Bernardi, espera que o selo também seja levado em conta pelo turista brasileiro.

 

Os nomes das 13 praias e seis marinas que concorrem ao certificado internacional só serão divulgados em outubro, após a análise do comitê internacional.

 

O certificado é válido por um verão e, dependendo da praia, por um ano.

 

No ano passado, 15 praias e marinas brasileiras receberam a certificação.

 

O Brasil tem cerca de 200 municípios litorâneos. A responsabilidade pelas praias costuma ser das prefeituras, mas pode também estar a cargo de governos estaduais e federais, além de empresas concessionárias.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique