Mais três pessoas recebem alta após incêndio no Badim, que completou uma semana

01:29 Geral, Notícias 19/09/2019 - 19h01 Rio de Janeiro Embed

Lígia Souto

O incêndio no Hospital Badim, na zona norte do Rio de Janeiro, completou uma semana nesta quinta-feira, dia em que foram registradas mais três altas hospitalares. A tragédia deixou 14 mortos. As vítimas foram lembradas nesta quarta-feira em uma missa celebrada pelo Arcebispo do Rio Dom Orani Tempesta, na Paróquia São Francisco Xavier, na Tijuca.

 

Também nesta quarta-feira, outras três pessoas deixaram os hospitais onde estavam internadas, sendo dois pacientes e um funcionário da unidade. Ainda de acordo com o último balanço divulgado, das 103 pessoas que estavam no local quando as chamas começaram, 46 permanecem internadas.

 

A direção do Hospital reforçou que a maior parte segue internada para a continuidade do tratamento das doenças que motivaram a entrada no Badim e não em decorrência da inalação de fumaça.

 

As causas do incêndio continuam sendo investigadas. Novos depoimentos estão previstos na 18ª Delegacia de Polícia, responsável pelo inquérito. Essa semana, peritos do Instituto de Criminalística Carlos Éboli voltaram ao Hospital Badim, para vistoria nos seis andares do prédio. Eles levaram uma peça do gerador de energia, que seria importante para a conclusão do laudo. O equipamento fica no subsolo, onde o incêndio começou e onde também estão instalados quatro tanques com capacidade para armazenar 250 litros de óleo diesel cada um.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique