Operação da PF descobre fraude de empresários em benefícios do INSS

02:00 Geral, Notícias 24/09/2019 - 10h43 São Paulo Embed

Eliane Gonçalves

Operação da Polícia Federal (PF), em conjunto com o INSS, desmontou quadrilha que fraudava benefícios para empresários.

 

Segundo as investigações da Polícia Federal, pelo menos 271 benefícios foram fraudados. O resultado foi um prejuízo de cerca de R$ 55 milhões aos cofres públicos. Agora, esses benefícios foram suspensos e o prejuízo evitado, ficaria na casa dos R$ 350 milhões.

 

As aposentadorias e pensões dentro do esquema foram concedidas a partir de 2016, mas, principalmente, em 2017. Eram benefícios pagos pelo teto da Previdência, ou seja, acima de R$ 5 mil.

 

A fraude consistia em registrar no sistema do INSS até 15 anos de contribuição que não foram feitas para que os empresários pudessem se aposentar sem terem pago o tempo mínimo para ter direito ao benefício.

 

O esquema envolveu o pagamento de propina a seis funcionários do INSS, que ajudavam a alterar o sistema, além de escritórios de contabilidade e de advocacia.

 

O delegado da Polícia Federal Rafael Dantas deu mais detalhes sobre a suposta fraude.

 

A operação foi realizada nas cidades de São Paulo, Diadema (SP) e Guarulhos (SP). Os seis funcionários do INSS foram afastados de suas funções.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique