Transporte clandestino entre Goiânia e Brasília é alvo de operação da ANTT

02:07 Geral, Notícias 06/12/2019 - 15h52 Brasília Embed

Sayonara Moreno

Durante esta semana, agentes da ANTT, Agência Nacional de Transportes Terrestres, junto com outros agentes de segurança fizeram fiscalização intensa no entorno do Terminal Rodoviário de Goiânia, durante a operação Innovatis. O foco eram justamente os transportes que costumam fazer o trecho Goiânia-Brasília de forma irregular, os chamados transportes piratas.

 

Um dos responsáveis pela operação foi o delegado da Polícia Civil de Goiás, Gylson Mariano. Ele explica que os passageiros acabam se interessando por certas “facilidades”, que, na verdade, escondem um risco que não vale a pena correr.


“Supostamente é mais rápido e mais cômodo; às vezes é pego na porta de casa. Mas é preciso atentar que essas supostas vantagens não compensam o risco que o usuário está correndo. São veículos que não necessariamente estão bem conservados, o consumidor fica sujeitos a acidentes e acaba sendo vítima de violência, roubos – até mesmo situação de estupro a gente já teve envolvendo transporte clandestino”.

 

E é justamente por conta dos riscos que o delegado orienta a procurar, sempre, os transportes registrados na ANTT. A agência de fiscalização informou que, durante a operação, diversas irregularidades foram identificadas: carros com pneus sem condições de pegar estrada, falta documentação, veículos em péssimas condições.


Também foram apreendidos veículos de passeio em que motoristas estavam cobrando para transportar passageiros entre as duas capitais.


Após as ações, foram lavrados nove Termos Circunstanciados de Ocorrência. Na prática significa que nove responsáveis foram encaminhados à delegacia e vão responder ao processo em liberdade.

 

Para a operação, foram utilizados aparelhos de leitura de todas as placas de veículos que trafegam nas rodovias. Assim, foi possível o monitoramento por meio de alertas eletrônicos dos transportes clandestinos, o que facilitou nas abordagens e nos flagrantes.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique