MPF pede afastamento de prefeito suspeito de cobrar propina

01:13 Geral, Notícias 17/02/2020 - 21h21 Brasília Embed

Deogracia Pinto

O Ministério Público Federal denunciou o prefeito do município de Bujaru, no Pará, Jorge Sato, por exigir de uma empresa que fornecia merenda escolar, 10% sobre cada nota fiscal emitida.



A esposa dele, Maria Célia Lima Sato, que exerce o cargo de secretária municipal de educação, também foi denunciada.



A procuradora regional da República, Raquel Branquinho, pediu o afastamento dos denunciados dos cargos. Raquel explica que o prefeito foi flagrado em um vídeo. 
 


A produção não conseguiu contato com os  denunciados.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique