Pós-verdade aparece como tendência para explicar surpresas como Trump e o Brexit

01:33 Internacional, Notícias 19/11/2016 - 08h23 Paris Embed

Gisele Garcia

A verdade está fora de moda. A tendência agora é a pós-verdade. Mas o que essa expressão, esquisita para muitos brasileiros, significa?

 

Segundo o dicionário Oxford, ela se refere a circunstâncias nas quais fatos objetivos são menos importantes na formação da opinião pública que apelos à emoção e à crença pessoal. Em resumo, é quando sentimentos superam os fatos.

 

Qualquer semelhança dessa descrição com o que causou a surpreendente eleição de Donald Trump nos Estados Unidos não é coincidência. A palavra ganhou os jornais durante e depois da campanha. Também foi usada para explicar o resultado do referendo na Grã-bretanha, onde a maioria da população votou pela saída da União Europeia, contrariando as expectativas.

 

Na reportagem A Arte da Mentira, por exemplo, a revista The Economist diz que Trump é o principal expoente da política da pós-verdade, por fazer afirmações que não são baseadas em fatos. Em vez de punido por isso, ele é visto por muita gente como alguém corajoso, que tem disposição de enfrentar os poderosos.

 

O presidente da Divisão de Dicionários da Oxford vai mais além. Casper Grathwohl acha que, com o crescimento das mídias sociais e a falta de confiança nas informações e fatos oficiais, a pós-verdade tem grandes chances de se tornar uma palavra que define os tempos de hoje.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique