Em visita à Colômbia, papa Francisco pede promulgação de leis que acabem com desigualdade

00:51 Internacional, Notícias 09/09/2017 - 16h38 Bogotá Embed

Hernan Barrios Ruiz

O papa Francisco está na Colômbia, onde celebrou ontem (8) à noite, em Medellín, uma missa em homenagem a Pedro Clave, defensor dos escravos. O objetivo da visita do papa é levar uma mensagem de paz à população.

 

Ficou claro, desde sua chegada a Bogotá, que o Francisco apoiará sem fissuras um projeto de reconciliação que siga o acordo de paz que o presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, impulsionou há nove meses, depois de quatro anos de diálogo com o grupo guerrilheiro Farc, em Havana.

 

Alguns críticos do acordo de 2016 não aceitam que os líderes das Farc, acusados de sequestros e assassinatos, vão evitar sentenças e, ao invés disso, vão ocupar vagas no Congresso como representante de um partido político.

 

Mas, assim como demonstrou compromisso e apoio ao acordo, Francisco desafiou as autoridades colombianas a promulgar leis justas para resolver as causas de desigualdades que levam à violência.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique