Juiz brasileiro será responsável pela custódia dos Arquivos de Nuremberg

01:46 Internacional, Notícias 13/11/2017 - 12h15 Nova York Embed

Monica Grayley, da ONU News

O conteúdo dos Arquivos do Tribunal Militar Internacional de Nuremberg passará a fazer parte de exposições permanentes sobre as atrocidades cometidas pelo nazismo durante a Segunda Guerra Mundial.

 

A informação foi dada à ONU News, pelo responsável pela custódia dos arquivos, o juiz da Corte Internacional de Justiça, CIJ, o professor brasileiro Antônio Augusto Cançado Trindade.

 

Nesta entrevista após sua reeleição para a CIJ, na semana passada, Cançado Trindade explicou como se deu a proposta de tornar os arquivos parte de exposições permanentes sobre o Holocausto nos Estados Unidos e na França.

 

As informações com Monica Grayley, da ONU News em Nova Iorque.