Netanyahu alega inocência em dois casos de corrupção

00:39 Internacional, Notícias 14/02/2018 - 10h21 Paris Embed

Adriana Moisés, da RFI

Em um raro pronunciamento à nação o primeiro ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, alegou inocência em dois casos de corrupção.

 

O discurso na noite desta terça-feira (13) ocorre após a polícia israelense afirmar que tem elementos para recomendar o indiciamento do premiê. 

 

As informações com Adriana Moisés, da Radio France Internationale.