Imprensa americana repercute decisão do STF sobre prisão de Lula

02:19 Internacional, Notícias 05/04/2018 - 10h13 Atlanta (EUA) Embed

Leandra Felipe

Os principais jornais e emissoras de televisão dos Estados Unidos repercutiram a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que negou o pedido de habeas corpus do ex-presidente Lula.


O New York Times trouxe a manchete "Lula, ex-presidente do Brasil, pode ser preso, define Tribunal". A reportagem disse que coube ao Supremo responder uma pergunta crucial, "em que ponto no processo de apelação o réu pode ser preso?".


Já o Washington Post destacou: "Supremo do Brasil decide que Lula deve ser condenado à prisão antes de continuar apelando".


A reportagem retratou a pressão contra e a favor ao habeas corpus de Lula, nas dez horas de julgamento, e destacou o voto de Carmem Lucia: "A falta de culpabilidade penal tornaria impossível para o Estado responsabilizar as pessoas, e isso pode levar à impunidade".


O The Wall Street Journal traz a seguinte manchete: "Suprema Corte do Brasil rejeita pedido do ex-presidente Lula para evitar a prisão".


O jornal contextualiza e diz que o "caso dividiu o país e colocou a prova, três décadas de democracia".

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique