Depois de entrar na OCDE, Colômbia também é aceita na OTAN

01:25 Internacional, Notícias 30/05/2018 - 16h54 Buenos Aires(AR) Embed

Mônica Yanakiew

A Colômbia é o primeiro país da América Latina a ser aceito como parceiro global da Otan, a Organizacao do Tratado do Atlântico Norte.

 

Essa aliança militar, entre os Estados Unidos e seus aliados da Europa Ocidental foi criada, depois da Segunda Guerra Mundial, para fazer frente a um novo inimigo: a ex- Uniao Soviética e seus aliados comunistas do leste europeu.

 

Com o fim da Guerra Fria, muitos desses países entraram para a Otan, que hoje tem 29 membros. Eles tem o compromisso de se defenderem de ameaças comuns.

 

A Colômbia não será mobilizada, em caso de guerra, porque fará parte de outra categoria, a de parceiro global. Outros parceiros globais são Afeganistão, Austrália, Iraque, Japão, Coreia do Sul, Mongólia, Nova Zelândia e Paquistão.

 


Segundo o presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, o país pode se beneficiar dessa parceria para lutar contra o terrorismo e crimes cibernéticos, além de fortalecer a segurança marítima.

Santos ganhou o prêmio Nobel da Paz, por ter assinado um acordo acabando com meio século de guerra civil com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, as FARC.

 


Com ele, a Colômbia também entrou na Organização para o Desenvolvimento Econômico e Social (OCDE), que conta com 35 países.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique