Lua de Saturno pode ter condições adequadas à vida

01:47 Internacional, Notícias 28/06/2018 - 07h57 Atlanta (EUA) Embed

Leandra Felipe

Dados da sonda Cassini, da Agência Espacial Americana (Nasa), revelaram a existência de moléculas orgânicas em Enceladus, uma lua gelada do planeta Saturno.


A análise feita a partir de informações coletadas pela sonda, antes de sua desativação, levantam a hipótese de que haveria condições adequadas à vida neste ambiente.


A informação foi publicada em um artigo científico após estudos com material coletado pelo satélite da Nasa. Os dados coletados foram analisados por uma equipe da Universidade de Heidelberg, na Alemanha.


O estudo ainda não é conclusivo e continua analisando fragmentos identificados de moléculas orgânicas grandes e complexas.


A Enceladus, segundo a análise, teria fontes hidrotermais que se misturam ao material de seu núcleo, cheio de água, como se fosse água oceânica submersa da Lua. Este material é liberado no espaço em forma de vapor e pequenas partículas de gelo.


A presença das grandes moléculas complexas, juntamente com a água líquida e a atividade hidrotermal, reforçam a hipótese de que o oceano de Enceladus pode ser um ambiente habitável para a vida.


A missão Cassini-Huygens é um projeto cooperativo da NASA, da ESA (Agência Espacial Europeia) e da Agência Espacial Italiana.


A sonda Cassini mergulhou deliberadamente em Saturno, em 15 de setembrode 2017. Antes disso foram coletadas milhões de informações que serão analisadas pela Nasa e por cientistas de vários países do mundo.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique