Universo: Japonês compra passagem para primeiro voo civil à lua

02:15 Internacional, Notícias 19/09/2018 - 08h37 Atlanta (EUA) Embed

Leandra Felipe

Agora só falta terminar a avião espacial e levantar voo. Passageiro já tem. O projeto de fazer viagens privadas para o espaço, da SpaceX, a empresa de transporte espacial de Elon Musk, dona da Tesla, já tem o primeiro viajante civil: o japonês Yusaku Maezawa.


A empresa anunciou nessa terça-feira (18) que ele já comprou a passagem, quer dizer assinou o contrato com a SpaceX para voar ao redor da lua a bordo do veículo BFR, a espaçonave que está sendo construída em Los Angeles.


Se tudo der certo dentro do cronograma previsto, Yusaku Maezawa viajará para fora da atmosfera terrestre, em 2023. Ele pode se tornar o 24º humano da história a visitar a lua e segundo a Nasa ninguém vai até lá desde a missão Apolo, em 1972.


Yusaku Maezawa foi apresentado pelo próprio dono da SpaceX, em Los Angeles, e brincou que finalmente conhecerá a lua.


O japonês abriu, em 2004, o site Zozotown, um aplicativo que vende roupas e que se tornou referência no Japão.


A inovação é que o sistema permite que os usuários enviem suas medidas on-line para roupas sob encomenda.


Fora do Japão Yusaku é famoso por gastos extravagantes, como a compra de um quadro por US$ 110 milhões.


O preço estimado do primeiro voo turístico para a lua não foi revelado pela SpaceX, mas a empresa informou que o bilionário japonês doou uma quantidade significativa de dinheiro, que será usado na construção da espaçonave.


O dono da SpaceX, Elon Musk, disse que o Yusaku é muito corajoso porque a viagem é perigosa, é uma coisa nova e algo ainda pode dar errado.


Musk lembrou que para viajar será exigido treinamento e que não se trata de um voo aéreo. Mesmo com os perigos, o billionário japonês disse que ainda convidará seis amigos artistas para a viagem.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique