Ernesto Araújo sugere criação de grupo interministerial para discutir a situação na Venezuela

03:19 Internacional, Notícias 01/02/2019 - 21h35 Brasília Embed

Bianca Paiva

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, disse, nesta sexta-feira (1º), que sugeriu à Casa Civil da Presidência da República a criação de um grupo interministerial para discutir a situação na Venezuela. Ainda não há prazo para início dos trabalhos.

 

Entre os assuntos que poderão ser tratados pelos ministérios estão pequenas sanções para pressionar o presidente Nicolas Maduro, como congelamento de bens de autoridades venezuelanas no Brasil, e o pedido de ajuda humanitária feito pelo presidente da Assembleia Nacional da Venezuela, Juan Guaidó, que se autoproclamou presidente interino do país no último dia 23.
 

Questionado sobre as dívidas da nação vizinha, o chanceler informou que isso também poderá entrar na pauta do grupo de trabalho.
 

 
Araújo afirmou que a Venezuela está avançando no processo de recuperação da democracia, mas que o final da crise só virá quando o presidente Nicolas Maduro for totalmente destituído do cargo.
 

 
A situação e possíveis medidas em relação à Venezuela também vão ser debatidas na próxima segunda-feira (4), no Canadá, em reunião do Grupo de Lima, formado por 13 países e o Brasil. O ministro Ernesto Araújo disse que não há uma proposta específica a ser apresentada pelo governo brasileiro, mas que espera uma posição firme do grupo.
 

O chanceler também comentou sobre a criação, pela União Europeia, de um Grupo de Contato de países europeus e latino-americanos para tratar de novas eleições na Venezuela.
 

O ministro Ernesto Araújo falou ainda que, se houver disposição, o governo brasileiro poderá conversar com a China e a Rússia - países que apoiam o governo de Nicolas Maduro - e mostrar a realidade da Venezuela e o que o regime de Maduro fez com o país e continuará fazendo, caso permaneça no poder.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique