Itamaraty manifesta apoio à luta contra o terrorismo

01:22 Internacional, Notícias 05/01/2020 - 10h58 Brasília Embed

Lucas Pordeus León

Após o assassinato do general iraniano Qassem Soleimani, o Itamaraty divulgou nota em que manifesta apoio à luta contra o que chama de flagelo do terrorismo, e condenou os ataques à Embaixada dos Estados Unidos em Bagdá, no Iraque.

 

O texto, publicado na sexta-feira, afirma que essa luta contra o terrorismo requer a cooperação de toda a comunidade internacional e que o Brasil estaria pronto para participar de esforços que contribuam para evitar a escalada dos conflitos neste momento.

 

O comunicado diz ainda que o terrorismo também afeta a América do Sul e que o Brasil não pode permanecer indiferente a essa ameaça.

 

O Itamaraty informou que acompanha os desdobramentos da ação no Iraque, inclusive seu impacto sobre os preços do petróleo, e acrescentou que é preciso respeitar a Convenção de Viena e à integridade dos agentes diplomáticos norte-americanos presentes no Iraque.

 

Dias antes do atentado contra o general iraniano Qassem Soleimani, uma manifestação cercou a embaixada dos Estados Unidos no Iraque. O governo estadunidense acusa o Irã de estar por trás dos protestos.

 

Em abril do ano passado, os Estados Unidos incluíram na lista de organizações terroristas a Guarda Revolucionária Iraniana, liderada pelo general assassinado em um aeroporto de Bagdá.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique