Cônsul chinês diz que retirar estrangeiros de Wuhan pode disseminar coronavírus

02:46 Internacional, Notícias 03/02/2020 - 20h24 Rio de Janeiro Embed

Fabiana Sampaio

O cônsul-geral da China no Rio de Janeiro, Li Yang, questionou nesta segunda-feira (03) a decisão de alguns países de retirar cidadãos estrangeiros da cidade chinesa de Wuhan, região mais afetada pelo novo coronavírus.

 

O cônsul alertou que a Organização Mundial da Saúde (OMS) considera que a China já tomou as medidas mais eficazes para controlar a disseminação do vírus.

 

Ele questionou se a retirada de estrangeiros não ajudaria a espalhar a doença no mundo. Yang ressaltou que seu país tem cidadãos de mais de 100 nações e que há apenas 16 casos confirmados do coronavírus em estrangeiros que lá vivem e nenhuma morte registrada.

 

Segundo Li Yang, Pequim vai entender se o Brasil decidir retirar os brasileiros, mas aconselhou que Brasília deve analisar se essa é de fato a melhor solução. O cônsul disse que ainda não houve qualquer comunicação oficial por parte do Palácio do Planalto sobre a retirada.

 

Em relação ao avanço da doença, Yang destacou que a China evoluiu no controle do vírus, lembrando que ele foi isolado em apenas apenas duas semanas.

 

Além disso, foi construído um centro de detecção da doença, com capacidade de testar 100 mil amostras, por dia.

 

Cientistas chineses desenvolveram um método rápido para detectar o vírus, com testes no prazo de 8 a 15 minutos.

 

Yang destacou que o país já chegou a fase final de desenvolvimento de uma vacina contra o novo coronavirus, processo que se encontra em fase de sequenciamento genético, considerada uma das mais importantes.

 

Até a manhã desta segunda-feira, a China tinha confirmados mais de 17,2 mil casos de coronavírus, com 361 mortes. Fora do território chinês, o balanço era de 146 casos e apenas uma morte, nas Filipinas.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique