Conselho de Medicina vai à Justiça contra Estado do Acre por falta de médicos em hospital

01:16 Justiça, Notícias 18/11/2019 - 16h31 Brasília Embed

Daniel Costa*

Após constatar uma série de irregularidades no Pronto Socorro de Rio Branco durante fiscalizações, o Conselho Regional de Medicina do Acre ajuizou uma ação civil pública contra a Secretaria de Saúde Estadual.


O conselho informou que tem recebido várias queixas de médicos, profissionais da saúde e usuários do SUS, o Sistema Único de Saúde, sobre problemas recorrentes com a falta de profissionais em determinadas áreas.


As informações foram confirmadas pelo CRM acreano ao acessar as escalas médicas e plantões do mês de novembro.


A instituição argumenta que o Pronto Socorro de Rio Branco é a principal unidade de urgência e emergência do estado, e o atendimento inadequado de pacientes graves pode gerar sequelas irreversíveis e até risco de morte.


O Conselho Regional de Medicina do Acre informou que esta é a primeira vez que aciona a Justiça para esse tipo de demanda, já que busca, por meio do diálogo, que o Estado atenda às recomendações técnicas feitas após as fiscalizações.


Procurada pela reportagem, a Secretaria de Saúde do Acre declarou que ainda não foi notificada sobre a ação.

 

*Estagiário sob supervisão de Bianca Paiva

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique