Ex-deputados soltos por engano no Rio voltam ao Complexo Penitenciário de Gericinó

01:56 Justiça, Notícias 15/12/2019 - 14h46 Rio de Janeiro Embed

Cynthia Cruz

Depois de terem sido libertados por engano, os ex-deputados estaduais Paulo Melo e Edson Albertassi  já retornaram à prisão em Bangu 8, no Complexo Penitenciário de Gericinó, na zona oeste do Rio de Janeiro. Eles se apresentaram espontaneamente à Polícia Federal. 

 

Por um erro da Justiça, os alvarás de soltura expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 2ª Região referentes à decisão proferida na Operação Furna da Onça incluíram, indevidamente, o número do processo da Operação Cadeia Velha.

 

Com isso, Melo e Albertassii acabaram sendo liberados da prisão, embora devessem permanecer custodiados.

 

Para desfazer o equívoco, o desembargador federal Paulo Espírito Santo, determinou no fim da tarde de sexta-feira (13),  a expedição de alvarás retificados e ordenou o restabelecimento das prisões relativas à Operação Cadeia Velha.

 

De acordo com a Polícia Federal, Paulo Melo se apresentou, por volta de 23h30, à sede da Superintendência da Polícia Federal, na Praça Mauá e cerca de meia hora depois chegou Edson Albertassi.

 

De lá, os dois seguiram no início da madrugada de sábado (14) para o Complexo de Gericinó.

 

A Operação Cadeia Velha foi deflagrada pela Polícia Federal em novembro de 2017 e revelou pagamento de propina a políticos pela Fetranspor, Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado, um esquema que envolveu parlamentares da Assembleia Legislativa do Rio.

 

A Furna da Onça ocorreu um ano depois tambéme revelou um esquema de corrupção, a partir de delação premiada de doleiros, que teria sido comandado pelo ex-governador Sérgio Cabral em troca de apoio na Assembleia Legislativa do Estado. 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique