Sindicato do DF alerta para superlotação no Complexo da Papuda

01:39 Geral, Notícias 03/01/2018 - 20h22 Brasília Embed

Dayana Vitor

O Complexo Penitenciário da Papuda tem 7.500 vagas, mas possuiu 15 mil e 800 presos. São 1.500 agentes penitenciários para cuidar do dobro de detentos que o local tem capacidade para abrigar.

 

Esses elementos favorecem o clima de tensão do local, explica o presidente de Sindicato dos Agentes de Atividades Penitenciárias do DF, Leandro Alan.

 

Em novembro do ano passado, 200 novos agentes penitenciários começaram a trabalhar, mas o sindicato da categoria afirma que seriam necessários mais 1.500 para melhorar a situação carcerária do DF.

 

No entanto,a Secretaria de Segurança Pública informou que não existe previsão para a nomeação de novos servidores.

 

Na noite do dia 31 de dezembro de 2017, um detento do bloco dois do CDP- Centro de Detenção Provisória morreu depois de uma parada cardíaca.

 

O segundo óbito também no CDP ocorreu na terça-feira, mas no bloco seis, também após uma parada cardíaca. Segundo o Sindicato dos Agentes Penitenciários, mais profissionais atuando nos presídios poderiam evitar novas mortes.

Deseja fazer algum tipo de manifestação?

Favor copiar o link do conteúdo ao apresentar sua sugestão, elogio, denúncia, reclamação ou solicitação.