Plataforma do governo deve reunir mais de 1,5 mil portais de órgãos públicos federais até 2022

02:06 Pesquisa e Inovação, Notícias 23/08/2019 - 08h51 Brasília Embed

Victor Ribeiro

O governo federal lançou oficialmente nesta quinta-feira (22) a plataforma digital Brasil.gov, que, até o ano de 2022, deve reunir serviços de 1.594 portais de órgãos públicos federais.

 

O ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, avalia que é importante o governo melhorar a presença na internet.

 

A tecnologia da plataforma Brasil.gov foi desenvolvida pela DataPrev, empresa pública de Tecnologias e Informações da Previdência Social.

 

O primeiro portal totalmente integrado à plataforma foi o INSS. O serviço já está no ar há algumas semanas e, de acordo com um balanço feito pelo governo, o tempo médio de agendamento para atendimento nos postos da Previdência Social caiu para 7 dias.

 

Há dois anos, o segurado levava até 70 dias nesse processo.

 

O INSS registrou que 80% dos requerimentos para o órgão já são feitos online.

 

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Jorge Oliveira, afirmou que esse é o começo da digitalização dos serviços federais.

 

A expectativa do governo é que a digitalização dos serviços esvazie postos físicos de atendimento. A plataforma deve reunir 315 novos serviços, como a emissão de passaporte e de certificado internacional de vacinação.

 

Quando todos os portais migrarem para o Brasil.gov, a economia deve chegar a R$936 milhões por ano.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique