Pesquisadores da UFSC desenvolvem prótese de laringe a baixo custo

03:04 Pesquisa e Inovação, Notícias 16/11/2019 - 07h25 Brasília Embed

Beatriz Evaristo

Pacientes em tratamento de câncer na laringe, na maioria das vezes, precisam passar por uma cirurgia de retirada completa do órgão.


Além de fazer parte do sistema respiratório, a laringe é responsável pela emissão da voz.

 

Para poder voltar a falar, a alternativa para esses pacientes é usar uma prótese importada que custa em média R$ 2,5 mil e deve ser substituída a cada seis meses.

 

Pensando em como oferecer um produto mais acessível, pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desenvolveram um modelo nacional com um custo de R$ 40 reais por aparelho, como explica o professor do Departamento de Engenharia Mecânica a da Universidade Federal de Santa Catarina, Andrey Ricardo da Silva.

 

A pesquisa está em andamento desde 2017. De acordo com o pesquisador, para fazer a prótese de voz, os pesquisadores usaram impressão 3D em parte do processo.

 

O professor Andrey Ricardo conta que a equipe também busca desenvolver um novo protocolo de atendimento desses pacientes que precisam de prótese de voz.

 

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), todo ano, cerca de 8 mil brasileiros descobrem que tem esse tipo de câncer.

 

Até chegar ao mercado, os pesquisadores ainda precisam fazer os testes clínicos em pacientes. A estimativa é que, em dois anos, o primeiro modelo de prótese de voz desenvolvido no Brasil esteja disponível para comercialização.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique