Governo vai investir R$ 10 milhões em pesquisas em segurança e ciência forense

02:42 Pesquisa e Inovação, Notícias 08/01/2020 - 15h48 Brasília Embed

Lucas Pordeus León

Um programa de bolsas de pós-graduação vai investir 10 milhões de reais em pesquisas voltadas para a área da Segurança e das Ciências Forenses, que é o conhecimento que busca desvendar crimes.

 

O projeto é uma parceria dos ministérios da Educação e da Justiça e Segurança Pública. As instituições de ensino cadastradas, tanto públicas quanto privadas, podem solicitar os recursos para bolsas de mestrado, doutorado ou pós-doutorado.

 

O ministro da Educação, Abraham Weitraub, destacou que as pesquisas podem ter o apoio dos laboratórios da Polícia Federal.

 

O programa deve funcionar pelos próximos cinco anos. A maior parte dos recursos, R$ 6 milhões, saiu da Secretaria Nacional de Segurança Pública, e vai custear as pesquisas em si. Para o pagamento das bolsas, serão destinados R$ 2 milhões da Polícia Federal e R$ 2 milhões do Ministério da Educação.

 

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, afirma que é importante contar com conhecimentos científicos para auxiliar nas políticas públicas do governo e que o foco será o uso de tecnologias.

 

A seleção das pesquisas será feita por consultores da Capes, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Segundo o ministério da Educação, entre os projetos que podem ser financiados, estão os que busquem traçar a origem e as redes do tráfico de drogas, ou trabalhem para aperfeiçoar os exames de DNA para identificar a autoria de crimes, ou ainda pesquisas que mapeiem a lavagem de dinheiro por meio de inteligência artificial.

 

Outro projeto citado pelo ministério que pode ser financiado é o que desenvolve tecnologias para identificar motoristas dirigindo sob efeito de drogas ilícitas. O programa também vai financiar estudos focados em crimes ambientais, em medicina legal e respostas a desastres.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique