Traficantes de pessoas terão penas mais duras

01:06 Política, Notícias 14/09/2016 - 08h33 Brasília Embed

Priscilla Mazenotti

O plenário do Senado aprovou um projeto que endurece o combate ao tráfico de pessoas, além de prever medidas de proteção às vítimas. Pelo texto, os bens que venham dessa prática criminosa poderão ser apreendidos.


Além disso, a pessoa traficada fica liberada da punição de crimes que possa vir a cometer em razão de sua condição.


O texto também prevê o agravamento da pena para criminosos que forem funcionários públicos ou parentes da vítima ou, ainda, se a pessoa traficada for criança ou adolescente ou for levada para o exterior.


A proposta prevê ações integradas, envolvendo governo e sociedade civil com a criação de uma rede de atendimento e de enfrentamento ao problema, além da colaboração internacional dos órgãos de inteligência e do intercâmbio de informações.


Há, também, a previsão de melhorar a capacitação e a formação de profissionais que trabalham no combate a esse crime e na assistência à essas pessoas.


O texto segue agora para sanção presidencial.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique