Lindbergh Farias vai recorrer de suspensão de direitos políticos por quatro anos

01:17 Política, Notícias 18/12/2016 - 16h29 Rio de Janeiro Embed

Nanna Pôssa

O juiz Gustavo Quintanilha Telles de Menezes, da 7ª Vara Cível de Nova Iguaçu-Mesquita, na Baixada Fluminense, decidiu suspender por quatro anos os direitos políticos do senador do Rio de Janeiro Lindbergh Farias, do PT. Ainda cabe recurso.


Ele foi condenado em primeira instância por ter permitido o uso promocional de sua imagem em programa da prefeitura em dezembro de 2007 e no primeiro semestre de 2008, quando ele ocupava cargo de prefeito de Nova Iguaçu e se candidatava à reeleição no município.


Segundo a justiça, ele distribuiu caixas de leite e cadernetas de controle com o logotipo da prefeitura impresso no material. As cadernetas sociais foram dadas a cerca de seis mil famílias para o controle do recebimento periódico do leite e lá constava expressamente o nome do prefeito.


Na sentença divulgada neste sábado,  o juiz também condenou o atual senador ao pagamento de multa no valor de R$ 480 mil. A assessoria de imprensa de Lindbergh afirmou que ele vai recorrer.

 

Segundo a nota, a mesma matéria já foi julgada em 2011, pelo Supremo Tribunal Federal, que decidiu pelo seu arquivamento, com 10 votos a favor, por entender não havia indícios para incriminação..

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique